Início
A Oração e o Silêncio de Deus PDF Imprimir E-mail

Diz o ditado: “Deus escreve certo por linhas tortas”. Na verdade, é o ser humano que vê tudo torto. As linhas de Deus são sempre retas. Prefiro dizer que Ele escreve certo e o ser humano é que vê as linhas tortas. 

Nossa percepção é tão limitada que vemos sempre o torto. O livro de Habacuque nos ajuda a perceber a dificuldade que temos para lidar com o sofrimento e com a injustiça. Esse profeta clama pela justiça de Deus, mas o Senhor parece estar em silêncio. Diante das injustiças que acontecem em nosso país, por vezes, você não se cansa de ver o noticiário? Tem hora que a gente perde a paciência! Habacuque reagiu. Sua grande virtude de Habacuque é que em vez de ficar passivamente desanimado e olhando a desgraça ao redor, ele foi buscar a Deus dizendo: “Deus, na minha teologia o Senhor é um Deus que intervém”. Talvez o que nos falte, muitas vezes, seja orar com expectativa. Quando oramos assim somos surpreendidos com a intervenção de Deus na história da nossa vida, família e nação. Talvez seja hora de começarmos a dizer: “Deus, até quando?”. O Senhor não se assusta com nossos questionamentos. Ele conhece cada um deles. A angústia derramada no altar de Deus é expressão de fé. É perigoso pararmos de orar porque podemos estar fazendo isso exatamente na véspera da resposta de Deus. Leve suas dúvidas a Deus e creia que a resposta virá, porque Ele sempre está atento às suas preces. — Luis Roberto Silvado Fonte: Nosso Pão Diário
 
Próximo >

 

Receba Novidades






Login






Esqueceu sua senha?
Sem conta? Criar Conta!

Usuários On-line

Temos 3 visitantes on-line