Início
Evangelista Ganha 18 Pessoas de sua Etinia Para Cristo PDF Imprimir E-mail

Sul da Ásia - Em um dia chuvoso, 18 novos convertidos foram batizados e tomaram sua primeira cena em um dos países da Ásia. Uma equipe da Portas Abertas 

estava lá para acompanhar esse momento grandioso. “Foi um grande privilégio estar lá para vê-los dar esse passo de obediência”, comenta um dos participantes da equipe. O pastor da pequena comunidade agradeceu a Deus pela chuva, pois ela ajudava a evitar os olhos curiosos dos vizinhos muçulmanos, proporcionando mais segurança para os irmãos. Familiares e amigos dos que se batizavam também presenciaram o evento. Todos estavam muito felizes, especialmente um irmão: o evangelista que compartilhou o evangelho com eles. Ele estava cheio de alegria porque Deus havia respondido seu sonho de ver seu povo chegar à fé em Jesus. O evangelista relatou como duas vezes extremistas muçulmanos armaram emboscadas para ele. Em uma das vezes, ele foi pego com material cristão quando voltava de um treinamento. Amarraram-no a uma pilastra e começaram a bater nele. Enquanto isso, ele orava: “Senhor, eles não sabem o que fazem, porque se soubessem não fariam isso comigo. Perdoe-os, Deus”. Depois a polícia o prendeu. Ele diz que estava com muito medo, pois não sabia o que fazer, nem onde buscar ajuda. “Graças a Deus, vocês da Portas Abertas vieram. Eu fiquei tão feliz e aliviado quando vocês vieram me ajudar”, relembra. Na época, a Portas Abertas providenciou assistência jurídica para tirá-lo da prisão. No entanto, a notícia de que ele era um cristão se espalhou. “Agora todo mundo sabe. Ainda que seja mais aberto e tranquilo para mim, continua difícil compartilhar o evangelho. Mas eu não tenho medo, eu vou continuar fazendo isso”, declara o corajoso cristão. O que o motiva é a alegria que isso traz a ele. Nosso irmão diz: “Nossa família está crescendo em número, o que me dá grande alegria quando nos reunimos para ler a Bíblia e adorar a Deus. Meu sonho é que mais pessoas da minha etnia conheçam a Cristo”. Essa comunidade e seus novos convertidos fazem parte de um grupo de refugiados. Eles fugiram de sua terra natal onde eram perseguidos por pertencer a uma minoria étnica e religiosa. Pedidos de oração Ore para que a família de Deus cresça entre eles, apesar da perseguição. Peça para que as crianças cristãs não sejam excluídas do direito de ir à escola. Clame para que este povo tenha um lugar para ficar, um lugar que possam chamar de casa. Fonte:Portas abertas
 
Próximo >

 

Receba Novidades






Login






Esqueceu sua senha?
Sem conta? Criar Conta!